Arquivo

Arquivo da Categoria ‘Treinamentos’

Aprimoramento no Tratamento da Dependência de Álcool e Drogas

No período de 29 de novembro a 10 de dezembro, em cinco sábados, foi ministrado o 1º Curso de Aprimoramento no Tratamento da Dependência de Álcool e Drogas, coordenado por Maurício Landre, graduado em Serviço Social pela PUC-Campinas com Especialização em Dependência Química pela Uniad/ Unifesp, e também Coordenador Técnico da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota, um dos serviços mantidos pelo Instituto Bairral de Psiquiatria.

O curso, com carga horária de 40 horas, teve lugar no Centro de Educação Continuada do Instituto Bairral, com a participação da assistente social Wanessa Maria de Oliveira, especialista em dependência química pela Unifesp e especialista em Serviço Social na Saúde pela PUC-Campinas, a qual atua no tratamento de dependentes químicos (Ala Feminina) do Bairral.

O grande diferencial deste curso, além de tratar do tema sob uma ótica humanista, psicossocial e espiritual, foi o de contar com a estrutura de um espaço preparado para cursos e capacitações, além de coffee-breaks e almoço, facilitando a permanência no local, principalmente para as pessoas que vieram da região, como Mogi Mirim, Mogi Guaçu, Amparo e São João da Boa Vista, além de Itapira.

Os temas abordados foram:

  • A cultura do consumo de álcool e drogas
  • A rede de atenção para álcool e drogas
  • Compreendendo a síndrome da dependência de álcool e drogas
  • A espiritualidade e a crise como instrumentos de transformação e mudança
  • Plano de tratamento
  • A família no contexto da dependência de álcool e drogas
  • A comunicação como facilitador na construção da aliança terapêutica e na unidade da equipe

A diversidade dos profissionais que participaram do curso e da realidade que cada um vive foi excelente no sentido de promover muitas trocas de experiência. Psicólogos, assistentes sociais, enfermeiros, terapeutas ocupacionais, clínico geral, conselheiros e representantes de serviços como CAPS, CRAS, CREAS e PROAD formaram uma corrente de trocas e sinergia que agregou ao curso uma riqueza ímpar.

As avaliações dos participantes sugerem que poderemos dar continuidade aos assuntos que foram tratados e trazer novos temas de interesse e necessidade dos participantes. Vejam algumas das sugestões: “O foco humanista no tratamento da dependência química. A visão positiva, a esperança e o deslumbramento da possibilidade de recuperação, já que a dependência é uma doença crônica”; “Possibilidade de desenvolver as ideias na prática”; “Didática, dinâmicas, depoimentos e credibilidade”; “Repetir o local, o café e almoço excelentes, a organização e o horário”.

Estamos muito contentes com os feedbacks e preparando-nos para que atendamos aos pedidos de continuidade tanto deste curso como de abordagem de outros temas pertinentes à problemática do uso crônico de álcool e drogas.

1º Curso de Aprimoramento no Tratamento da Dependência de Álcool e Drogas

1º Curso de Aprimoramento no Tratamento da Dependência de Álcool e Drogas

1º Curso de Aprimoramento no Tratamento da Dependência de Álcool e Drogas

1º Curso de Aprimoramento no Tratamento da Dependência de Álcool e Drogas

Treinamento RCP/DEA para enfermagem do Instituto Bairral

Com o objetivo de manter a enfermagem atualizada e preparada para atender às urgências e emergências clínicas, o TEUE (Time de Estudo de Urgência e Emergência) do Instituto Bairral de Psiquiatria, composto por uma equipe multiprofissional, realizou no mês de novembro a capacitação de RCP (ressuscitador cardiopulmonar) e DEA (desfibrilador externo automático) com toda a equipe de enfermagem. No treinamento o TEUE utilizou dinâmica teórica e prática por meio de simulações realísticas para o atendimento a vítima em parada cardiorrespiratória.

Registrou-se participação ativa e entusiasmada da equipe de enfermagem no treinamento com os instrutores (enfermeiros Beatriz Zancheta, Danieli Bellini e José Roberto de Oliveira e técnico de segurança/bombeiro civil Juliano Momesso), todos capacitados pelo Programa de SBV (Suporte Básico de Vida) para Profissionais de Saúde (RCP e DEA/DAE) da American Heart Association.

Além do time de enfermagem do Instituto Bairral, a capacitação de RCP/DEA se estendeu ainda aos conselheiros e à enfermagem da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota.

Treinamento RCP/DEA para enfermagem 2016.

Treinamento RCP/DEA para enfermagem 2016.

Treinamento RCP/DEA para enfermagem 2016.

Treinamento RCP/DEA para enfermagem 2016.

Treinamento RCP/DEA para enfermagem 2016.

Treinamento RCP/DEA para enfermagem 2016.

Centro Integrado do Desenvolvimento da Infância e Adolescência

Nos dias 7 e 14 de novembro o Instituto Bairral promoveu um workshop de um novo trabalho iniciado em 21 de novembro. Seu objetivo foi o de apresentar e promover o Centro Integrado do Desenvolvimento da Infância e Adolescência, que proporcionará avaliações e testes que serão realizados por uma equipe multiprofissional coordenada pela médica psiquiatra da infância e adolescência Dra. Taís Moriyama, preceptora da residência médica em psiquiatria da infância e adolescência do Instituto Bairral.

Os temas abordados nesses dois dias foram apresentados pela Dra. Tais: no dia 7 de novembro, “Cognição, emoção e comportamento da primeira infância”, e no dia 14, “Cognição, emoção e comportamento na adolescência”.

O evento teve grande participação de público da área da saúde, educação e familiares. “Para os pais pode ser um desafio saber se o desenvolvimento de seu filho segue o curso esperado. Nosso centro integrado de desenvolvimento pode ajudar pais e profissionais a mapear o desenvolvimento de crianças e adolescentes”. (Núcleo de Avaliação)

Para mais informações: saudemental@bairral.com.br – (19) 3863-9436

Participante do workshop de apresentação do Centro do Desenvolvimento da Infância e Adolescência.

Participante do workshop de apresentação do Centro do Desenvolvimento da Infância e Adolescência.

Bairral presente no VII Congresso de Iniciação Científica – CIC 2016

A Faculdade de Educação Física da Universidade Estadual de Campinas (FEF/UNICAMP), em parceria com outras universidades (USP e UNESP), realizou nos dias 29 e 30 de setembro o VII Congresso de Iniciação Científica – CIC 2016. Este evento tem o objetivo de compartilhar o conhecimento produzido por alunos de graduação e pós-graduação das três universidades, as quais se destacam no cenário nacional pela qualidade de sua produção no campo da Educação Física e Esporte, em suas diversas áreas temáticas. Foi realizado na FEF/UNICAMP e contou com atividades nas áreas de conhecimento, englobadas em três principais eixos: Atividade Física Adaptada e Saúde; Educação Física e Humanidades; Biodinâmica e Ciências do Esporte.

A coordenadora do setor de Educação Física do Instituto Bairral de Psiquiatria, professora Daniele Colosso Craveiro, participou do congresso com a apresentação, no formato pôster, do seu projeto de pesquisa denominado “A eficácia do exercício físico no tratamento da ‘fissura’ e da autoestima em dependentes de crack”, que terá início ainda este ano em parceria com a FEF/UNICAMP. Além dessa apresentação, também participou de palestras e mini-cursos durante o conclave. Daniele já frequenta semanalmente, desde o início deste ano, o GEPEN (Grupo de Estudos de Psicologia do Esporte e Neurociências) na Faculdade de Educação Física da UNICAMP, contando com o incentivo do Prof. Dr. Miguel de Arruda (Diretor da FEF/UNICAMP) e a convite da Profª. Dra. Paula T. Fernandes (Coordenadora do GEPEN).

O objetivo do GEPEN é nuclear um grupo de pesquisa na linha temática de Psicologia do Esporte na FEF/UNICAMP, considerando três linhas de pesquisa. A linha pela qual  Daniele submeterá sua pesquisa será “Psicologia do Esporte e sua interface com doenças neurológicas”, que visa a identificar os aspectos psicológicos e cognitivos relacionados com a  atividade física ou o exercício físico em doenças diversas, como epilepsia, AVC, lúpus, Doença de Alzheimer, Comprometimento Cognitivo Leve, TDAH, doenças neuromusculares e transtornos psiquiátricos.

Dra. Paula T. Fernades (Coord. Dep. Psicologia do Esporte e Neurociências  FEFUNICAMP), Daniele Colosso Craveiro (Coord. do setor de Educação Física do Instituto Bairral) e Prof. Dr. Miguel de Arruda (Diretor FEFUNICAMP).

Dra. Paula T. Fernades (Coord. Dep. Psicologia do Esporte e Neurociências FEFUNICAMP), Daniele Colosso Craveiro (Coord. do setor de Educação Física do Instituto Bairral) e Prof. Dr. Miguel de Arruda (Diretor FEFUNICAMP).

Daniele Colosso Craveiro (Coord. do setor de Educação Física do Instituto Bairral)

Daniele Colosso Craveiro (Coord. do setor de Educação Física do Instituto Bairral)

Evento “A psiquiatria Forense na Prática Clínica” foi Sucesso de Público e de Conteúdo

Na manhã de 24 de setembro estiveram reunidas mais de 80 pessoas no Centro de Educação Continuada do Instituto Bairral de Psiquiatria para discutir algumas das aplicabilidades da psiquiatria forense no dia-a-dia dos profissionais de saúde e dos operadores do Direito. O objetivo foi atualizar os associados do Centro de Estudos Psiquiátricos Américo Bairral (Cepab) e outros presentes sobre o que vem a ser a psiquiatria forense, uma vez que muitos ainda desconhecem esta área de especialização, a qual lida com a interface entre lei e psiquiatria. Os psiquiatras forenses trabalham com tribunais, onde, a pedido da Justiça, avaliam a capacidade de pessoas para atos da vida civil e também a capacidade de serem responsabilizadas criminalmente. A psiquiatria forense atua nos casos em que existe qualquer dúvida sobre a integridade ou a saúde mental dos indivíduos, em qualquer área do Direito, buscando esclarecer à Justiça se há ou não a presença de um transtorno ou enfermidade mental e quais as implicações da existência ou não de um diagnóstico psiquiátrico, por exemplo.

Para esse encontro o Cepab convidou o Dr. Marcelo Ortiz de Souza, psiquiatra e Diretor Técnico do Instituto Bairral, que fez uma explanação sobre o tema “O estado da arte da psiquiatria forense do Brasil e no mundo”. Em sua fala mostrou a evolução histórica da psiquiatria no mundo e como a psiquiatria forense foi sendo construída dentro desse cenário, e chamou a atenção para o primeiro caso conhecido da história em que o judiciário francês solicitou a presença de um psiquiatra para opinar sobre um indivíduo que havia cometido um crime e avaliar o seu estado mental. Em seguida, o Dr. Rafael Lopes, que é psiquiatra com residência e título de especialista na área de psiquiatria forense, atual colaborador do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Psiquiatria Forense e Psicologia Jurídica (Nufor) do Instituto de Psiquiatria (IPq) da Faculdade de Medicina da USP, e também médico do corpo clínico do Instituto Bairral, ministrou duas palestras; a primeira abordou “As internações involuntárias e compulsórias no Estado de São Paulo: lições aprendidas e boas práticas”, na qual discorreu, por meio de exemplos práticos, sobre a execução da Lei 10.216, do Estatuto do Idoso, do Estatuto da Criança e do Adolescente e da nova Lei de Drogas no Brasil; a segunda palestra versou sobre a avaliação da responsabilidade penal de indivíduos, também ilustrando com casos conhecidos da mídia nacional e internacional.

A diretoria do Cepab, uma das federadas da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), agradece os participantes pela presença e principalmente os dois palestrantes, pela generosidade e disponibilidade em compartilhar seus saberes com todos os que estiveram presentes.

Dr. Marcelo Ortiz de Souza, psiquiatra e Diretor Técnico do Instituto Bairral.

Dr. Marcelo Ortiz de Souza, psiquiatra e Diretor Técnico do Instituto Bairral.

Dr. Rafael Lopes, que é psiquiatra com residência e título de especialista na área de psiquiatria forense, juntamente com Dr. Marcelo Ortiz Ortiz de Souza.

Dr. Rafael Lopes, que é psiquiatra com residência e título de especialista na área de psiquiatria forense, juntamente com Dr. Marcelo Ortiz de Souza.