Arquivo

Posts Tagged ‘sexualidade’

Palestra: “Adolescentes LGBT e o uso de drogas”

No dia 4 de abril ocorreu no auditório do Instituto Bairral de Psiquiatria a palestra “Adolescentes LGBT e o uso de drogas”, proferida pela Dra. Alessandra Diehl, médica psiquiatra do hospital e preceptora da residência médica do mesmo). Na oportunidade também fez o lançamento da segunda edição do livro “Sexualidade: do prazer ao sofrer”, do qual é uma das autoras. A palestra foi aberta tanto para funcionários como para o público externo com a finalidade de apresentar dados e falar sobre esse assunto tão atual e que gera muitas dúvidas e incertezas. A Dra. Alessandra é especialista em dependência química e sexualidade humana e trouxe luz para este tema que tantas vezes temos visto relegado às conversas informais e dando margem a preconceito e distorções. Esclareceu sobre identidade sexual, orientação, sexo e expressão da sexualidade como parte da constituição da pessoa como um ser único. Falou sobre os fatores de vulnerabilidade que esses adolescentes enfrentam com a expressão de sua orientação sexual, como bullying na escola, não aceitação familiar, isolamento social e evasão escolar, dentre outros que aumentam as chances de ocorrerem quadros depressivos e tentativas de suicídio, além do uso de substâncias. A palestrante reforçou que todo adolescente busca por um lugar de pertencimento e que o acolhimento familiar, além das intervenções escolares, seria o caminho para uma maior cultura de tolerância e paz. O grande público presente beneficiou-se de dados atuais de pesquisas, o que contribuiu ainda mais para um maior conhecimento dessa temática.

Participantes da palestra: “Adolescentes LGBT e o uso de drogas”

Participantes da palestra: “Adolescentes LGBT e o uso de drogas”

Palestra “Adolescentes LGBT e o uso de drogas”, proferida pela Dra. Alessandra Diehl, médica psiquiatra do hospital e preceptora da residência médica.

Palestra “Adolescentes LGBT e o uso de drogas”, proferida pela Dra. Alessandra Diehl, médica psiquiatra do hospital e preceptora da residência médica.

Psiquiatra do Instituto Bairral lança 2ª edição de livro sobre sexualidade

No mês de fevereiro chegou às livrarias do Brasil a tão aguardada segunda edição do livro “Sexualidade: do Prazer ao Sofrer”, publicado pela Editora Gen, do Rio de Janeiro (RJ), e que contou entre as organizadoras com a Dra. Alessandra Diehl, médica psiquiatra e preceptora da residência médica em psiquiatria do Instituto Bairral.

De acordo com a Dra. Alessandra, “a primeira edição já tinha sido um sucesso, e o crescente e constante desejo e interesse em melhor compreender e manejar as diversas questões relacionadas à sexualidade e ao comportamento e atividade sexual fizeram com que surgisse esta segunda edição”. A atualização conta com 42 capítulos versando sobre os diversos aspectos da sexualidade: histórico, conceitual, biológico, biopsicossocial, ético-religioso, sociocultural, jurídico, o da saúde pública e o da educação em saúde sexual, revelando perspectivas e dilemas. Os novos capítulos inseridos na obra introduzem temas como a dimensão conceitual de saúde sexual, a ética e a sexualidade dentro de uma perspectiva de compreensão integral da sexualidade humana, os tratamentos farmacológicos para as disfunções sexuais masculinas e femininas, o poliamor, a sexualidade nos contos de fadas, entre tantos outros. Cada capítulo é iniciado com pontos-chaves que dão ao leitor um panorama dos principais assuntos abordados, e termina com um convite à reflexão. Para que este livro fosse escrito foram convidados profissionais e experts que atuam em áreas como educação, clínica, jurídica e pesquisa científica, ou seja, colaboradores de diversos setores dentro e fora do Brasil, com a intenção de elaborar uma obra abrangente em relação à sexualidade.

A Dra. Alessandra finaliza dizendo: “Tentamos apresentar este livro o mais atualizado e multifacetado possível, embora estejamos conscientes de que ainda há muito a se discutir, sendo o tema tão vasto e, fortuitamente, inesgotável.”

Livro “Sexualidade: do Prazer ao Sofrer”, do qual a médica psiquiatra Dra. Alessandra Diehl, preceptora da residência médica do Instituto Bairral, é uma das co-autoras.

Livro “Sexualidade: do Prazer ao Sofrer”, do qual a médica psiquiatra Dra. Alessandra Diehl, preceptora da residência médica do Instituto Bairral, é uma das co-autoras.

Médica do Bairral é condecorada com reconhecimento pela participação na Historia da Sexologia Brasileira.

O psicólogo e sexólogo Oswaldo Rodrigues Junior é um dos pioneiros em estudos, atendimento, assistência e educação na área da sexualidade aqui no Brasil e há muitos anos vinha se perguntado como as pessoas construíram suas trajetórias dentro desta área no Brasil. A partir desta sua curiosidade, ele idealizou a elaboração de um livro com vários volumes que contasse todas estas “ histórias” através de profissionais da área da saúde, da educação, do direito, da psicologia e também através de “ histórias e trajetórias” de serviços que atuassem na área.  Assim, no mês de fevereiro de 2016, o Instituto Paulista de Sexualidade (INPASEX) do qual ele faz parte reuniu uma serie de convidados em sua sede na cidade no Pacaembu em São Paulo para entregar um diploma e medalha em reconhecimento pela sua contribuição para a História da sexologia Brasileira. Entre os convidados, estavam a Dra. Alessandra Diehl (médica psiquiatra e médica supervisora da residência médica em psiquiatria da FEAB) que recebeu a condecoração com muita honra e sentiu-se agradecida por fazer parte de um time de profissionais tão seletos e atuantes como os presentes. Dra. Alessandra Diehl relatou também que o encontro foi na verdade uma celebração dos talentos nacionais na área da sexualidade humana a qual tem crescido muito nos últimos anos, mas ainda carece de mais visibilidade entre tantas outras especialidades médicas e psicológicas.

Dra. Alessandra Diehl entre o psicólogo Oswaldo Rodrigues Jr e demais sexólogas condecoradas.

Dra. Alessandra Diehl entre o psicólogo Oswaldo Rodrigues Jr e demais sexólogas condecoradas.

Dra. Alessandra Diehl e Oswaldo Rodrigues Jr do Instituto Paulista de Sexualidade.

Dra. Alessandra Diehl e Oswaldo Rodrigues Jr do Instituto Paulista de Sexualidade.

“Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo“

Os alunos do curso de “Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo” tiveram seu último encontro no dia sete de dezembro. Este curso foi uma iniciativa do projeto Bairral.Edu e teve o apoio do Centro de Estudos Psiquiátricos Américo Bairral (CEPAB). Ao todo foram oito encontros semanais de 3 horas cada, com conteúdo variado versando sobre aspectos da orientação sexual, gênero, transexualidade, disfunção sexual, drogas e a sexualidade, HIV e AIDS, pornografia e educação sexual em diferentes fases da vida, entre outros.

O monitor Benedito Aparecido Romano, do espaço Girassol, comentou sobre o curso: “Foi muito bom pela descontração que pude sentir ao falar de um tema que não deveria ser tão impregnado de puritanismo e mitos como ainda é no meio da saúde mental”. O educador físico Bruno Pompeo B. da Silva, do setor Vivenda, relatou ter adorado a possibilidade de aprender se divertindo ao mesmo tempo. Já o enfermeiro Jonas Felipe Claudino, do setor Esplanada, disse que conseguiu com as aulas aproximar-se mais de outras questões do universo que envolve gênero e orientação sexual, os quais antes desconhecia. Para o coordenador de enfermagem José Alex Vicente, o mais tocante foi deparar-se e aproximar-se da realidade do sofrimento de crianças transexuais e de seus pais. A técnica de enfermagem Ivanilda Pavinato do Prado, do espaço Girassol, disse que o curso ajudou-a a ampliar horizontes e a respeitar ainda mais todo esse universo que envolve a sexualidade.

E, por fim, para a psiquiatra e educadora sexual Dra. Alessandra Diehl (do espaço Girassol), coordenadora do curso, esta foi uma oportunidade para ratificar que a sexualidade humana é realmente de uma riqueza inesgotável de possibilidades e de eterno aprendizado em todas as suas dimensões: psicológica, social, política, religiosa, biológica e jurídica. Para ela o aprendizado mais importante que tentou repassar aos alunos foi “saber que o ser humano, a sua sexualidade e o seu comportamento sexual muitas vezes não cabem numa caixinha de rótulos. Assim, o mais extraordinário de tudo é aprendermos e compreendermos que as diferenças existem para serem celebradas”.

Alunos do curso de “Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo”.

Alunos do curso de “Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo”.

Alunos do curso de “Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo”.

Alunos do curso de “Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo”.

Começa o Curso sobre Sexualidade

Em 5 de outubro teve início o curso “Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo”, promovido pelo Instituto Bairral de Psiquiatria como parte do seu projeto Bairral.edu (educação continuada) e apoiado pelo CEPAB (Centro de Estudos Psiquiátricos Américo Bairral). Ao todo houve 77 inscritos de diversas áreas de atuação, tanto do corpo de funcionários do Bairral quanto de participantes externos.

A coordenadora do curso, Dra. Alessandra Diehl, que é a médica psiquiatra do setor 4.º Andar Masculino do hospital (Prédio Central), relata que ficou bastante surpresa com o número de inscrições, algo que evidencia que o tema é de fato do interesse de todos. Daí a importância de estar contemplado na pauta da agenda de capacitações da instituição. Quanto à sua expectativa, a Dra. Alessandra salienta que isso só aumenta sua responsabilidade em transmitir conteúdo atualizado, baseado em evidências, numa atmosfera descontraída e acolhedora, para que os participantes possam receber uma pequena semente de conhecimento que os estimule a estudar mais o assunto e, sobretudo, possam se tornar agentes multiplicadores de uma prática de atenção à sexualidade mais respeitosa, com menos julgamentos e mais inclusiva.

Participantes do curso "Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo".

Participantes do curso “Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo”.

Participantes do curso "Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo".

Participantes do curso “Saúde sexual e sexualidade no mundo contemporâneo”.