Arquivo

Presença internacional da CT Santa Carlota

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota, um dos serviços do Instituto Bairral de Psiquiatria, participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery(Caminhos de Cuidados para a Recuperação), que aconteceu no Dublin Castle, em Dublin, Irlanda, entre os dias 20 e 22 de setembro, apresentando a sua metodologia e os números nesses seus cinco anos de funcionamento. Atualmente, 75% da capacidade de atendimento da CT Santa Carlota são destinados aos dependentes de crack e outras drogas encaminhados pelo Centro de Referência de Álcool, Tabaco e Outras Drogas (Cratod), órgão do Governo do Estado com sede em São Paulo (SP), na sua maioria casos originários da “Cracolândia”, em situação de rua, com vínculos rompidos e uma desorganização psicossocial integral.

No evento em Dublin ocorreram 60 apresentações de diferentes países da Europa, Austrália, Índia, Rússia, Israel, Paquistão, Grécia, Oriente Médio, Escandinávia e dos Estados Unidos, registrando-se a presença de palestrantes renomados no mundo da prevenção e tratamento das dependências, entre eles: Dr. George De Leon: reconhecido como a principal autoridade em tratamento e pesquisa em Comunidade Terapêutica, Professor Clínico em Psiquiatria na Universidade de Nova York, autor de mais de 170 artigos e capítulos científicos, tendo escrito e editado sete livros e monografias, incluindo “A Comunidade Terapêutica: Teoria, Modelo e Método”, considerado o livro mais importante no campo; Gilberto Gerra, Chief of Drug Prevention and Health, Division for Operations, United Nations Office on Drugs and Crime, Viena, Áustria; Dr. Eamon Keenan, da Irlanda; Naya Arbiter, do Estado de Novo México (EUA); David Best, fundador da Australian Recovery Academy (UK); Sharon Dawe, Professor de Psicologia Clínica na Griffith University, autor de “Mothering Justice” (UK); Professora Catherine Comiskey, do Trinity College, de Dublin, Irlanda; Wouter Vanderplasschen, da Bélgica; Michael Donnellan, da Irlanda; Rod Mullen, dos EUA; e Jo-Hanna Ivers, do Trinity College, de Dublin, Irlanda.

A Conferência foi dividida em três grandes tópicos que direcionaram todos os trabalhos apresentados: “Gênero, Mulheres e Famílias”, “Tratamento na Prisão e Ambientes Seguros” e “Saúde Mental, Bem-Estar e Dificuldades Intelectuais”.

Atualmente, a CT Santa Carlota atende 100 dependentes de álcool e outras drogas, por meio de parceria público-privada entre o Instituto Bairral e a Secretaria de Estado de Saúde do Estado de São Paulo. O trabalho apresentado pela CT Santa Carlota nesse importante conclave foi coletado durante os cinco anos de sua existência, assim como um comparativo entre esses dados e os últimos 21 meses, quando a CT Santa Carlota passou a oferecer 75% de seus leitos para a população encaminhada pelo Cratod, vindos principalmente da “Cracolândia”. Com o total apoio de Nivaldo José Caliman, Diretor Superintendente do Instituto Bairral de Psiquiatria, foi elaborado e apresentado por Maurício Landre, Coordenador Técnico da CT Santa Carlota, Graduado em Serviço Social e Especialista em Dependência Química pela Unifesp, com a colaboração de Aline Cristina da Silva, estudante de Serviço Social e Assistente Administrativa Executiva da CT, e Ricardo Moriyama, responsável pela área de  marketing do Instituto Bairral, com a Supervisão de Dr. Ronaldo Ramos Laranjeira, Professor Titular do Curso de Psiquiatria da Unifesp.

A CT Santa Carlota já atendeu mais de 1.500 usuários crônicos de álcool e drogas e mais de 9.000 familiares em seus 5 anos de vida. Em outubro de 2015 passou a reservar 75% da sua capacidade de atendimento para acolhidos vindos da região central de São Paulo, encaminhados pelo Cratod. A taxa de conclusão do tratamento para esse perfil de comprometimento é próxima dos 44%, em comparação com os que vieram encaminhados de outras regiões, que foi de 54%.

A presença do Dr. George De Leon e outros líderes mundiais na área da prevenção e tratamento, durante a apresentação oral da CT Santa Carlota e de nossos resultados, abrilhantou o momento que ocupou toda a plenária da Conferência.

Após a apresentação o Coordenador da CT Santa Carlota Maurício Landre e sua filha e intérprete Verônica Landre tiveram uma reunião com Dr. De Leon para esclarecer mais detalhes de nosso programa, que tem como idealizador da proposta o Dr. Ronaldo Laranjeira, Professor de Psiquiatria da Universidade Federal de São Paulo e criador do “Programa Recomeço” no Estado de São Paulo, e da metodologia inspirada e embasada na experiência que o Dr. De Leon explanou em seu livro “A Comunidade Terapêutica: Teoria, Modelo e Método”.

O Dr. George De Leon ficou impressionado com os dados, a estrutura e o programa da CT Santa Carlota, e acreditamos que suas impressões vão ser ainda melhores quando pessoalmente conhecer todo nosso processo de acolhimento, recuperação e reinserção social, em visita que está programada para o fim deste ano de 2017.

Recentemente, nas comemorações do quinto ano de funcionamento da CT Santa Carlota, foi descerrada uma placa comemorativa na qual o Dr. De Leon é citado como inspirador da obra, junto com o Dr. Ronaldo Laranjeira como idealizador. Estamos ansiosos para que sua vinda nos brinde com seu conhecimento e suas sugestões.

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

Coordenador da CT Santa Carlota Maurício Landre.

Coordenador da CT Santa Carlota Maurício Landre.

Deixe seu comentário


Warning: implode(): Invalid arguments passed in /home/bairral/www/blog/wp-content/themes/ZenHealth/footer.php on line 1