Arquivo

Capacitação para Conselheiros

Nos dias 29 de setembro e 6 de outubro a equipe de conselheiros do Instituto Bairral de Psiquiatria, seus respectivos líderes, alguns integrantes do Serviço Social e um grupo de enfermeiros participaram de uma capacitação na Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota desenvolvida por Maurício Landre, coordenador técnico da CT. Na oportunidade foram abordados temas como dependência química, dinâmica sobre observação de perfil e atenção aos sentimentos, afeto e afetividade, comunicação e tratamento.

Além do conhecimento teórico, a atividade propiciou uma maior integração entre os componentes do grupo e uma intensa troca de experiências sobre as abordagens nos diversos setores do hospital.

Participantes da capacitação para conselheiros.

Participantes da capacitação para conselheiros.

Participantes da capacitação para conselheiros.

Participantes da capacitação para conselheiros.

Prof. Dr. Valentim Gentil Filho toma posse no Conselho Curador da Fundação Espírita Américo Bairral

Em 24 de setembro ocorreu a 176ª reunião ordinária do Conselho Curador da Fundação Espírita Américo Bairral, mantenedora do Complexo Bairral.

Estiveram presentes, além dos membros do Conselho Curador, o Diretor Técnico Dr. Marcelo Ortiz, o Diretor de Relações Externas Dr. Agenor Pares de Lima, a Coordenadora do CIDIA – Centro Integrado de Desenvolvimento da Infância e Adolescência Dra. Tais Silveira Moriyama e o Diretor Superintendente Nivaldo José Caliman. Ainda presentes os membros dos Conselhos Diretor e Fiscal e o Diretor Presidente do Conselho Diretor, Sr. Alberto Luis de Mello Rosatto.

Além de importante e extensa pauta, um fato marcante desta reunião foi a posse do Prof. Dr. Valentim Gentil Filho, do Instituto de Psiquiatria (IPq) da Faculdade de Medicina da USP, como membro do Conselho Curador. Fazendo uso da palavra, o Dr. Valentim ressaltou a importância e qualidade do Bairral no universo da saúde mental no mundo. O Conselho Curador, atualmente, tem a seguinte constituição: Presidente – Ironildo Boselli; Vice-Presidente –  Joaquim Bento de Souza Ferreira Filho; Membros – Aura Nunes Pereira da Silva, Décio de Paula Queluz, José Roberto Panciera, Nelson Tavares da Silva, Rafael Latorraca, Sandro Mistro, Sérgio Paulo Rigonatti, Valentim Gentil Filho e Victório Visnadi.

Dr. Valentim com Diretores do Bairral.

Dr. Valentim com Diretores do Bairral.

Dr. Valentim com Diretores do Bairral.

Dr. Valentim com Diretores do Bairral.

I Congresso Paulista de Dependência Química

O Centro de Convenções Rebouças, na capital paulista, sediou nos dias 21 e 22 de setembro o I Congresso Paulista de Dependência Química e o I Simpósio Paulista de Controle do Tabagismo, iniciativas do Centro de Referência de Álcool, Tabaco e Outras Drogas (Cratod) e da Secretaria de Estado da Saúde, ambos os eventos como parte das comemorações e do lançamento do livro “Cratod 15 Anos, uma Proposta de Cuidado do Dependente Químico”.

O Instituto Bairral se fez presente com um expressivo número de profissionais de seu corpo técnico: médico psiquiatra Dr. Sérgio Augusto Monteiro dos Santos, psicólogas Camila Guimarães Mistro, Lígia Ehmke Passarella, Mariana Curi e Silmara Cristina Luciano, assistente social Wanessa Maria de Oliveira e terapeutas ocupacionais Aline Coraça Trevelin e Juliana Cristina dos Santos Ribeiro.

Os dois conclaves reuniram cerca de 800 pessoas entre estudantes, profissionais da área da saúde e membros do Poder Judiciário, além de docentes de diferentes instituições de ensino superior. O tema abordado foi “A Estruturação de uma linha de cuidados afinada aos anseios da contemporaneidade”.

As palestras reuniram especialistas que se dedicaram à discussão de uma linha de cuidados mais adequada às necessidades dos usuários de substâncias psicoativas, desde as ações de baixa exigência aos modelos estruturados de tratamento, as abordagens psicossociais em rede, seus avanços e a necessidade de aumentar o repertório e o caráter das ações preventivas. Permitiram também ao público presente refletir e articular-se para prosseguir em seus projetos ou para a criação de novos, destacando os modelos de tratamento do Programa Recomeço e Projeto Mãe da Luz.

Foram comentados alguns dados atualizados da mortalidade entre os usuários de substâncias e sobre a lei antifumo, que em 8 anos após sua implementação (período compreendido entre 1/6/2009 e 31/8/2017) alcançou efetividade de 99% em estabelecimentos que comercializam derivados do fumo. Ainda sobre o tabagismo verificou-se que 80% dos fumantes se iniciam no vício aos 19 anos de idade, geralmente associado à bebida alcoólica. O suicídio também foi um dos assuntos em destaque, sendo que 75% dos suicídios ocorrem em países de renda baixa ou média; na faixa etária de 15 a 29 anos encontra-se a segunda causa de morte no mundo; no Brasil é a terceira, após homicídios e acidentes de trânsito. As taxas globais diminuíram 31% entre 2000 e 2015, em virtude das estratégias de prevenção de cada país. Em relação ao Poder Judiciário, cabe mencionar que o Ministério Público intervém nos casos de extrema vulnerabilidade como crianças, adolescentes, situações de rua, abandono familiar, dependência química e retardo mental, havendo articulação da rede em casos individuais.

Em síntese, ficou claro que é papel do Governo do Estado garantir a promoção dos direitos humanos com a oferta de atendimento especializado ao dependente químico, sendo possível recuperar sua integridade, fortalecer seus laços familiares e trazê-lo de volta ao convívio e às atividades sociais.

Profissionais do corpo técnico do Instituto Bairral no I Congresso Paulista de Dependência Química.

Profissionais do corpo técnico do Instituto Bairral no I Congresso Paulista de Dependência Química.

Profissionais do corpo técnico do Instituto Bairral no I Congresso Paulista de Dependência Química.

Profissionais do corpo técnico do Instituto Bairral no I Congresso Paulista de Dependência Química.

Presença internacional da CT Santa Carlota

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota, um dos serviços do Instituto Bairral de Psiquiatria, participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery(Caminhos de Cuidados para a Recuperação), que aconteceu no Dublin Castle, em Dublin, Irlanda, entre os dias 20 e 22 de setembro, apresentando a sua metodologia e os números nesses seus cinco anos de funcionamento. Atualmente, 75% da capacidade de atendimento da CT Santa Carlota são destinados aos dependentes de crack e outras drogas encaminhados pelo Centro de Referência de Álcool, Tabaco e Outras Drogas (Cratod), órgão do Governo do Estado com sede em São Paulo (SP), na sua maioria casos originários da “Cracolândia”, em situação de rua, com vínculos rompidos e uma desorganização psicossocial integral.

No evento em Dublin ocorreram 60 apresentações de diferentes países da Europa, Austrália, Índia, Rússia, Israel, Paquistão, Grécia, Oriente Médio, Escandinávia e dos Estados Unidos, registrando-se a presença de palestrantes renomados no mundo da prevenção e tratamento das dependências, entre eles: Dr. George De Leon: reconhecido como a principal autoridade em tratamento e pesquisa em Comunidade Terapêutica, Professor Clínico em Psiquiatria na Universidade de Nova York, autor de mais de 170 artigos e capítulos científicos, tendo escrito e editado sete livros e monografias, incluindo “A Comunidade Terapêutica: Teoria, Modelo e Método”, considerado o livro mais importante no campo; Gilberto Gerra, Chief of Drug Prevention and Health, Division for Operations, United Nations Office on Drugs and Crime, Viena, Áustria; Dr. Eamon Keenan, da Irlanda; Naya Arbiter, do Estado de Novo México (EUA); David Best, fundador da Australian Recovery Academy (UK); Sharon Dawe, Professor de Psicologia Clínica na Griffith University, autor de “Mothering Justice” (UK); Professora Catherine Comiskey, do Trinity College, de Dublin, Irlanda; Wouter Vanderplasschen, da Bélgica; Michael Donnellan, da Irlanda; Rod Mullen, dos EUA; e Jo-Hanna Ivers, do Trinity College, de Dublin, Irlanda.

A Conferência foi dividida em três grandes tópicos que direcionaram todos os trabalhos apresentados: “Gênero, Mulheres e Famílias”, “Tratamento na Prisão e Ambientes Seguros” e “Saúde Mental, Bem-Estar e Dificuldades Intelectuais”.

Atualmente, a CT Santa Carlota atende 100 dependentes de álcool e outras drogas, por meio de parceria público-privada entre o Instituto Bairral e a Secretaria de Estado de Saúde do Estado de São Paulo. O trabalho apresentado pela CT Santa Carlota nesse importante conclave foi coletado durante os cinco anos de sua existência, assim como um comparativo entre esses dados e os últimos 21 meses, quando a CT Santa Carlota passou a oferecer 75% de seus leitos para a população encaminhada pelo Cratod, vindos principalmente da “Cracolândia”. Com o total apoio de Nivaldo José Caliman, Diretor Superintendente do Instituto Bairral de Psiquiatria, foi elaborado e apresentado por Maurício Landre, Coordenador Técnico da CT Santa Carlota, Graduado em Serviço Social e Especialista em Dependência Química pela Unifesp, com a colaboração de Aline Cristina da Silva, estudante de Serviço Social e Assistente Administrativa Executiva da CT, e Ricardo Moriyama, responsável pela área de  marketing do Instituto Bairral, com a Supervisão de Dr. Ronaldo Ramos Laranjeira, Professor Titular do Curso de Psiquiatria da Unifesp.

A CT Santa Carlota já atendeu mais de 1.500 usuários crônicos de álcool e drogas e mais de 9.000 familiares em seus 5 anos de vida. Em outubro de 2015 passou a reservar 75% da sua capacidade de atendimento para acolhidos vindos da região central de São Paulo, encaminhados pelo Cratod. A taxa de conclusão do tratamento para esse perfil de comprometimento é próxima dos 44%, em comparação com os que vieram encaminhados de outras regiões, que foi de 54%.

A presença do Dr. George De Leon e outros líderes mundiais na área da prevenção e tratamento, durante a apresentação oral da CT Santa Carlota e de nossos resultados, abrilhantou o momento que ocupou toda a plenária da Conferência.

Após a apresentação o Coordenador da CT Santa Carlota Maurício Landre e sua filha e intérprete Verônica Landre tiveram uma reunião com Dr. De Leon para esclarecer mais detalhes de nosso programa, que tem como idealizador da proposta o Dr. Ronaldo Laranjeira, Professor de Psiquiatria da Universidade Federal de São Paulo e criador do “Programa Recomeço” no Estado de São Paulo, e da metodologia inspirada e embasada na experiência que o Dr. De Leon explanou em seu livro “A Comunidade Terapêutica: Teoria, Modelo e Método”.

O Dr. George De Leon ficou impressionado com os dados, a estrutura e o programa da CT Santa Carlota, e acreditamos que suas impressões vão ser ainda melhores quando pessoalmente conhecer todo nosso processo de acolhimento, recuperação e reinserção social, em visita que está programada para o fim deste ano de 2017.

Recentemente, nas comemorações do quinto ano de funcionamento da CT Santa Carlota, foi descerrada uma placa comemorativa na qual o Dr. De Leon é citado como inspirador da obra, junto com o Dr. Ronaldo Laranjeira como idealizador. Estamos ansiosos para que sua vinda nos brinde com seu conhecimento e suas sugestões.

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

A Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota participou da 16.a Conferência da Federação Europeia de Comunidades Terapêuticas – “Pathways of Care to Recovery” (Caminhos de Cuidados para a Recuperação).

Coordenador da CT Santa Carlota Maurício Landre.

Coordenador da CT Santa Carlota Maurício Landre.

O Instituto Bairral recebeu visita técnica de alunos de Pós-Graduação em Dependência Química

Nos dias 19 e 20 de setembro o Instituto Bairral de Psiquiatria e a Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota receberam a visita técnica de um grupo de alunos que estão fazendo capacitação em Dependência Química com a finalidade de conhecer o trabalho que vem sendo desenvolvido nos locais para o tratamento da dependência química e como isto pode lhes proporcionar ferramentas para serem implementadas, aprimoradas e incorporadas também nos seus municípios de origem e respectivos serviços. Os visitantes foram acompanhados pela Dra. Alessandra Diehl, médica psiquiatra e preceptora da residência médica em psiquiatria do Instituto Bairral, que ajudou na interlocução com os técnicos e funcionários da casa. Um dos visitantes foi o Dr. César Balduino, médico psiquiatra atuante na cidade de Rondonópolis (MT),  que relatou ter percebido como o hospital e a CT Santa Carlota têm muitos recursos, mas o principal apontado por ele foram os recursos humanos, destacando como os profissionais se mostram capacitados e empáticos para com os usuários de drogas e seus familiares, tanto na rede privada como na rede SUS do complexo Bairral. Ele manifestou seu agradecimento a todos pela excelente acolhida e se disse renovado com a visita.

Na foto: Cesar Balduino, Nivaldo Caliman, Dra. Alessandra Diehl, Vera Armani, Barbara Stolf entre outros que participaram da visita.

Na foto: Cesar Balduino, Nivaldo Caliman, Dra. Alessandra Diehl, Vera Armani, Barbara Stolf entre outros que participaram da visita.

Com as monitoras de atividades do Bairral: Loraine, Thaiana e Aline que explicaram sobre as funções exercidas pelos monitores.

Com as monitoras de atividades do Bairral: Loraine, Thaiana e Aline que explicaram sobre as funções exercidas pelos monitores.

Com os funcionários da cozinha, que preparam todos os dias, com muito amor, os alimentos que pacientes e funcionários saboreiam.

Com os funcionários da cozinha, que preparam todos os dias, com muito amor, os alimentos que pacientes e funcionários saboreiam.

Página 3 de 13312345...102030...Última »

Warning: implode(): Invalid arguments passed in /home/bairral/www/blog/wp-content/themes/ZenHealth/footer.php on line 1