Arquivo

Simpósio: “Um Caminho Chamado Comunidade Terapêutica”

Em 30 de maio p.p. o auditório do hospital foi palco do XXVI Simpósio do Instituto Bairral de Psiquiatria. O tema do encontro foi “Um caminho chamado comunidade terapêutica”. Foram pronunciadas as seguintes palestras:

  • “Compreendendo o conceito de comunidade terapêutica”, pela psicóloga Laura Fracasso, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutoranda em Psiquiatria pela Unifesp e gestora técnica dos programas de tratamento em Comunidade Terapêutica do Instituto Padre Haroldo de 1995 a 2011.
  • “A história da Comunidade Terapêutica no Brasil”, pelo padre Haroldo Joseph Rahm, mestre em Filosofia pela Universidade de Saint Louis e em Teologia pela Universidade Loyola de New Orleans, ambas nos EUA, fundador da Comunidade Terapêutica “Fazenda do Senhor Jesus”, em Campinas (SP) e co-fundador da Federação Mundial de Comunidades Terapêuticas, da Federação Latino-Americana de Comunidades Terapêuticas e da Febract – Federação Brasileira de Comunidades Terapêuticas.
  • “A Comunidade Terapêutica na política pública sobre drogas”, pelo Dr. Vítore André Zílio Maximiano, Procurador de Justiça do Estado de São Paulo e atual Secretário Nacional da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça.
  • “A Comunidade Terapêutica e a transdisciplinaridade”, por Maurício Landre, assistente social, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutorando em Psiquiatria pela Unifesp e coordenador técnico da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota.
  • “A Comunidade Terapêutica e a espiritualidade”, pela Dra. Zila van der Meer Sanchez, docente do Departamento de Medicina Preventiva da Unifesp, doutora em ciências pela Unifesp com pós-doutorado na Michigan State University dos EUA e orientadora do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Unifesp.
  • “A Comunidade Terapêutica e a ciência”, pelo Dr. Marcelo Ribeiro de Araújo, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutor em Ciências pelo Departamento de Psiquiatria da Unifesp, Diretor de Ensino e Coordenador do Curso de Especialização em Dependência Química da Unifesp-Uniad.

Estiveram presentes 609 pessoas de diversas categorias profissionais do ramo médico e áreas correlatas, além de uma significativa parcela de professores e estudantes.

Foi um evento bastante rico e que conseguiu atingir seu objetivo de mostrar como o trabalho realmente sério e engajado de uma Comunidade Terapêutica consegue ótimos resultados no tratamento da dependência química.

Abertura do XXVI Simpósio com Dr. Marcelo Ortiz.

Abertura do XXVI Simpósio com Dr. Marcelo Ortiz.

Participantes do XXVI Simpósio com o tema “Um caminho chamado comunidade terapêutica”

Participantes do XXVI Simpósio com o tema “Um caminho chamado comunidade terapêutica”

Participantes do XXVI Simpósio com o tema “Um caminho chamado comunidade terapêutica”

Participantes do XXVI Simpósio com o tema “Um caminho chamado comunidade terapêutica”

Primeira palestra ministrada pela psicóloga Laura Fracasso, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad.

Primeira palestra ministrada pela psicóloga Laura Fracasso, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad.

Segunda Palestra ministrada pelo padre Haroldo Joseph Rahm, mestre em Filosofia pela Universidade de Saint Louis e em Teologia pela Universidade Loyola de New Orleans, ambas nos EUA, fundador da Comunidade Terapêutica “Fazenda do Senhor Jesus”, em Campinas (SP).

Segunda Palestra ministrada pelo padre Haroldo Joseph Rahm, mestre em Filosofia pela Universidade de Saint Louis e em Teologia pela Universidade Loyola de New Orleans, ambas nos EUA, fundador da Comunidade Terapêutica “Fazenda do Senhor Jesus”, em Campinas (SP).

Terceira palestra ministrada pelo Dr. Vítore André Zílio Maximiano, Procurador de Justiça do Estado de São Paulo e atual Secretário Nacional da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça.

Terceira palestra ministrada pelo Dr. Vítore André Zílio Maximiano, Procurador de Justiça do Estado de São Paulo e atual Secretário Nacional da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça.

Quarta palestra ministrada por Maurício Landre, assistente social, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutorando em Psiquiatria pela Unifesp e coordenador técnico da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota.

Quarta palestra ministrada por Maurício Landre, assistente social, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutorando em Psiquiatria pela Unifesp e coordenador técnico da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota.

Quinta palestra ministrada pela Dra. Zila van der Meer Sanchez, docente do Departamento de Medicina Preventiva da Unifesp, doutora em ciências pela Unifesp com pós-doutorado na Michigan State University dos EUA e orientadora do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Unifesp.

Quinta palestra ministrada pela Dra. Zila van der Meer Sanchez, docente do Departamento de Medicina Preventiva da Unifesp, doutora em ciências pela Unifesp com pós-doutorado na Michigan State University dos EUA e orientadora do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Unifesp.

Sexta palestra ministrada pelo Dr. Marcelo Ribeiro de Araújo, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutor em Ciências pelo Departamento de Psiquiatria da Unifesp, Diretor de Ensino e Coordenador do Curso de Especialização em Dependência Química da Unifesp-Uniad.

Sexta palestra ministrada pelo Dr. Marcelo Ribeiro de Araújo, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutor em Ciências pelo Departamento de Psiquiatria da Unifesp, Diretor de Ensino e Coordenador do Curso de Especialização em Dependência Química da Unifesp-Uniad.

Deixe seu comentário