Arquivo

Posts Tagged ‘CEPAB’

CEPAB: “Humanidade e empatia: estamos nos tornando seres mais narcisistas?”

Na reunião de junho do Centro de Estudos Psiquiátricos Américo Bairral – CEPAB, ocorrida no dia 26, o tema escolhido foi “Humanidade e empatia: estamos nos tornando seres mais narcisistas?”. Ministrado pelas médicas-residentes Natália Saldanha e Patrícia Katto e pela Dra. Viviane Franco da Silva, médica psiquiatra do Bairral, constituiu uma explanação acerca de aspectos conceituais e práticos da empatia e sua relação com a estruturação da sociedade atual, a chamada “Modernidade Líquida”, estudada e caracterizada pelo autor da obra, Zigmunt Bauman. As abordagens levaram a conceitos sobre humanidade e as relações humanas de uma forma bastante reflexiva.

O evento contou com aproximadamente 65 participantes, entre membros da equipe técnica do Bairral e associados do CEPAB.

O evento contou com aproximadamente 65 participantes, entre membros da equipe técnica do Bairral e associados do CEPAB.

Médicas-residentes Dras. Patrícia Katto e Natália Saldanha e, ao centro, Dra. Viviane Franco da Silva, médica psiquiatra do Bairral.

Médicas-residentes Dras. Patrícia Katto e Natália Saldanha e, ao centro, Dra. Viviane Franco da Silva, médica psiquiatra do Bairral.

CEPAB: “Violência Doméstica”

Na reunião de março do Centro de Estudos Psiquiátricos Américo Bairral – CEPAB, ocorrida no dia 27, o tema escolhido foi “Violência doméstica”, em palestra ministrada pelo Dr. Marcelo Ortiz de Souza, médico psiquiatra e Diretor Técnico do Bairral. O evento foi presenciado por 107 inscritos das mais variadas formações, tornando o debate bastante interessante. Foram abordados conceitos fundamentais para o entendimento do assunto, assim como os elementos associados à violência doméstica e os principais fatores de risco e de proteção. A apresentação dos dados disponíveis sobre o tema no Brasil e no mundo permitiu reconhecer sua importância não só do ponto de vista humano, mas inclusive da saúde pública. Também foi apresentada a trajetória do desenvolvimento da rede de atenção à mulher vítima de violência, bem como os recursos disponíveis para prevenção e manejo dessas situações.

Dr. Marcelo Ortiz - Diretor Técnico do Bairral, durante a palestra.

Dr. Marcelo Ortiz – Diretor Técnico do Bairral, durante a palestra.

Participantes durante evento.

Participantes durante evento.

O que tem acontecido no campo das pesquisas no Instituto Bairral

Na última reunião do Centro de Estudos Psiquiátricos Américo Bairral (Cepab) do ano de 2017, realizada no dia 19 de dezembro, a médica-residente R1 Dra. Júlia Grossi, assessorada pelos Drs. Acioly Lacerda, Elias Ajub Neto e Marcelo Adelino Pinheiro, apresentou o andamento e os resultados das pesquisas científicas que têm sido desenvolvidas no Instituto Bairral como fruto da parceria com o Instituto Sinapse. Cabe destacar as pesquisas com usuários de crack e sobre áreas como espiritualidade, comportamentos sexuais, violência e internações compulsórias, assim como sobre a cetamina, envolvendo pacientes com depressão refratária. O Instituto Bairral é imensamente grato ao Dr. Acioly Lacerda, que lidera o Centro de Pesquisas Sinapse-Bairral e muito tem contribuído para agregar todos estes saberes e fazer do Bairral cada vez mais um lugar de destaque no cenário de pesquisas inovadoras.

Dr. Elias Ajub Neto fazendo a introdução geral sobre o tema das pesquisas no IBP.

Dr. Elias Ajub Neto fazendo a introdução geral sobre o tema das pesquisas no IBP.

Dra Julia Grossi apresentando os dados de pesquisa realizada do IBP .

Dra Julia Grossi apresentando os dados de pesquisa realizada do IBP .

Nova atividade do CEPAB para a comunidade fala sobre temas educativos e sexualidade

A diretoria do Centro de Estudos Psiquiátricos Américo Bairral (Cepab) tem proposto uma série de atividades bimestrais abertas ao público de Itapira com temas de interesse para a comunidade. Desta feita, no dia 28 de novembro a Dra. Alessandra Diehl, médica psiquiatra e educadora sexual, preceptora da residência médica do Instituto Bairral, falou sobre o tema “Sexualidade para além da genitalidade”. Perante um grande público, a palestrante discorreu sobre a importância de entender o conceito de sexualidade de forma ampla, como um marcador de qualidade de vida e que acompanha os seres humanos desde o nascimento até a senilidade. As questões principais da palestra giraram em torno do respeito às diferenças, da diversidade sexual e da possibilidade de promoção de saúde e educação sexual emancipatória e inclusiva desde muito cedo na vida das crianças por um mundo com mais respeito e igualdade, principalmente entre os gêneros.

Dra. Alessandra Diehl, médica psiquiatra e educadora sexual, preceptora da residência médica do Instituto Bairral.

Dra. Alessandra Diehl, médica psiquiatra e educadora sexual, preceptora da residência médica do Instituto Bairral.

XVI Congresso Brasileiro de Sexualidade Humana “Prazer, Quem é Você?”

A Sociedade Brasileira de Sexualidade Humana (Sbrash) realizou seu mais recente congresso entre os dias 18 e 20 de outubro na cidade de Campinas (SP). O Instituto Bairral esteve presente, representado pela médica-residente R1 em psiquiatria Dra. Liz Miriane Marcato e sua preceptora, a médica psiquiatra Dra. Alessandra Diehl, atual presidente do Centro de Estudos Psiquiátricos Américo Bairral (Cepab), apresentando pôsteres e participando de mesas-redondas. O conclave foi muito bem organizado, num ambiente de encontro de muitas pessoas conhecidas na área da sexualidade humana no Brasil, com temas diversificados englobando varias dimensões da sexualidade, tais como as psicológicas, biológicas, sociais e políticas. A Dra. Alessandra Diehl destaca três das palestras que mais gostou. A primeira foi o curso “Ferramentas para a mediação de crises conjugais” com a psicóloga Ana Canosa, no qual foi dada bastante ênfase em formas dos casais promoverem uma comunicação não violenta entre si. A outra palestra foi do padre e educador sexual Prof. Ronaldo Zacharias com o título “Quando a violência se reveste com o manto do sagrado: O uso abusivo da categoria de gênero”, na qual, de forma espetacular, brilhante e educada o palestrante refletiu sobre a expressão pejorativa “ideologia de gênero”, utilizada para denegrir estudos de gênero, e como a violência do discurso utilizando a fé pode ser muito perigosa para a construção de uma sociedade que deseja ser igualitária e respeitosa. E a última foi a do psicólogo Breno Rosostolato, que versou sobre “O estupro marital: uma dor silenciosa”, falando sobretudo da invisibilidade deste fenômeno tão frequente em várias sociedades do mundo, inclusive  a nossa.

Dra. Liz Miriane Marcato e Dra. Alessandra Diehl.

Dra. Liz Miriane Marcato e Dra. Alessandra Diehl.


Warning: implode(): Invalid arguments passed in /home/bairral/www/blog/wp-content/themes/ZenHealth/footer.php on line 1