Arquivo

Posts Tagged ‘Serviço Social’

Equipe do Serviço Social do Bairral participa de treinamento sobre Previdência Social

A equipe do Serviço Social do Bairral participou de um encontro com a assistente social  da agência do INSS de Itapira, Maria Elisa Ranzatti, no dia 25 de setembro. Na ocasião, essa funcionária fez uma explanação sobre as atuais mudanças relacionadas à concessão de benefícios sociais e previdenciários, incluindo a recente portaria sobre o Benefício de Prestação Continuada (BPC), transmitindo orientação sobre a revisão do mesmo. As nossas assistentes sociais também esclareceram dúvidas que são frequentes por parte dos pacientes e seus familiares, assim como foram orientadas sobre o uso do aplicativo “Meu INSS”, o qual, entre outras facilidades, permite o agendamento de perícias médicas e a consulta de benefícios, os quais também podem ser acessados através do atendimento telefônico do INSS – 135. Informação importante transmitida por Maria Elisa foi a de que não é mais possível agendar perícias médicas nas agências do INSS; de agora em diante, isso apenas será feito por meio do aplicativo ou por telefone.

Equipe do Serviço Social do Bairral participa de treinamento sobre Previdência Social

Equipe do Serviço Social do Bairral participa de treinamento sobre Previdência Social

Equipe do Serviço Social do Bairral participa de treinamento sobre Previdência Social

Equipe do Serviço Social do Bairral participa de treinamento sobre Previdência Social

Bairral participa de Café Pedagógico da UNIESI

Em 16 de junho ocorreu um Café Pedagógico no UNIESI – Centro Universitário de Itapira, com o tema “A interface do Serviço Social na política de atendimento à saúde mental”.

O evento teve como palestrantes Fabiana M. C. Dall Orto Franco de Castro, assistente social no HC da Unicamp e supervisora do Programa de Aprimoramento Profissional em Serviço Social e Saúde Mental da Unicamp, e Paulo Ricardo Bento, graduado em Serviço Social pelo UNIESI de Itapira e aluno do Programa de Aprimoramento da Unicamp. Integraram a mesa Rosa Maria de Godoi Baraçal, representando o Instituto Bairral (onde é a Coordenadora do Serviço Social), assistentes sociais do Caps-AD de Itapira e a Coordenadora do Caps de Águas de Lindoia.

A palestra abordou o tema sob diversos enfoques. Após a mesma foi aberta uma discussão na qual cada profissional presente teve uma fala, posicionando-se com relação ao assunto. Como representante do Bairral, Rosa Maria descreveu em breves palavras a composição da equipe do Serviço Social do hospital e como é o nosso trabalho, comentou que o foco do Bairral hoje é a busca de bem-estar mental, não mais visando a doença em si, mas levando em conta também a importância do trabalho com as famílias e como é fundamental para o resultado do tratamento o retorno dos pacientes para suas famílias, a importância do trabalho em rede e como ainda enfrentamos obstáculos na nossa rotina no momento em que solicitamos o apoio dos serviços que acompanham o paciente em seus municípios de origem, provocando dificuldades na condução dos casos.

Como o tema tem um conteúdo extenso e demandou muito debate, ao final foi sugerida pela coordenação do curso de Serviço Social do UNIESI a possibilidade de um fórum sobre o mesmo, tendo sido feito convite para que o Bairral participe novamente.

Participantes do Café Pedagógico da UNIESI, junto as Assistente Sociais Dalzira e Andreia e a Coordenadora do Serviço Social do Bairral.

Participantes do Café Pedagógico da UNIESI, junto as Assistente Sociais Dalzira e Andreia e a Coordenadora do Serviço Social do Bairral.

Capacitação para Conselheiros

Nos dias 29 de setembro e 6 de outubro a equipe de conselheiros do Instituto Bairral de Psiquiatria, seus respectivos líderes, alguns integrantes do Serviço Social e um grupo de enfermeiros participaram de uma capacitação na Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota desenvolvida por Maurício Landre, coordenador técnico da CT. Na oportunidade foram abordados temas como dependência química, dinâmica sobre observação de perfil e atenção aos sentimentos, afeto e afetividade, comunicação e tratamento.

Além do conhecimento teórico, a atividade propiciou uma maior integração entre os componentes do grupo e uma intensa troca de experiências sobre as abordagens nos diversos setores do hospital.

Participantes da capacitação para conselheiros.

Participantes da capacitação para conselheiros.

Participantes da capacitação para conselheiros.

Participantes da capacitação para conselheiros.

Bairral participa do XIII Seminário “A Inserção do Serviço Social nas Políticas Públicas e Tecnologias de Prevenção em HIV/AIDS”

No dia 27 de maio o Instituto Bairral proporcionou a participação do seu setor de Serviço Social no XIII Seminário “A Inserção do Serviço Social nas Políticas Públicas e Tecnologias de Prevenção em HIV/AIDS: Novos Desafios para a Categoria”, organizado pelo GESSA, Grupo de Estudo do Serviço Social em Atendimento Especializado DST/AIDS, criado em 2002 (com 13 anos de atuação ininterrupta) por iniciativa do Serviço Social do Instituto de Infectologia “Emilio Ribas”, em São Paulo (SP), com o objetivo de discutir questões relacionadas ao trabalho social, melhoria da assistência a usuários e intercâmbio entre profissionais.

Foi uma jornada extremamente proveitosa, na qual tivemos palestras da psicóloga Ivone Aparecida de Paula e da assistente social Analice, especialistas em Gestão Coletiva, que são, respectivamente, gerente e membro da Equipe de Prevenção do Programa Estadual DST/AIDS do Estado de São Paulo, as quais, além da explanação e encaminhamento da palestra via e-mail, disponibilizaram material didático por escrito e vídeo-conferências para que os interessados possam trabalhar com seus usuários, no nosso caso os pacientes.

Destacamos, como novos desafios entre outros apontados pelas palestrantes, questões focalizadas com muita competência, como a hierarquização de riscos e a diversidade sexual. A realização de uma oficina de trabalho, na qual grupos de participantes discutiram e depois compartilharam a realidade e os desafios dos vários profissionais e serviços ali representados, promoveu intensa troca de experiências e acentuou a relação conhecimento/prática, demonstrando como um processo dessa natureza pode contribuir com o nosso cotidiano, levando aos nossos usuários  conhecimento e educação com linguagem mais acessível.

Instituto Bairral participa do XIII Seminário "A Inserção do Serviço Social nas Políticas Públicas e Tecnologias de Prevenção em HIV/AIDS: Novos Desafios para a Categoria"

Instituto Bairral participa do XIII Seminário “A Inserção do Serviço Social nas Políticas Públicas e Tecnologias de Prevenção em HIV/AIDS: Novos Desafios para a Categoria”

IV CICLO DE ATUALIZAÇÃO TÉCNICA

Ao longo do mês de agosto desenvolveu-se no Centro de Educação Continuada do Instituto Bairral o IV Ciclo de Atualização Técnica, evento anual que objetiva a capacitação e o aprimoramento dos funcionários da área técnica do hospital. Noticiamos abaixo as atividades ocorridas durante esse ciclo.

Médico

A Clozapina é um antipsicótico classificado como de segunda geração ou atípico por não causar efeitos colaterais extrapiramidais (rigidez muscular, tremores parecidos com os da Doença de Parkinson,  aumento de prolactina, que leva à parada de menstruação e de produção de leite) como os antipsicóticos de primeira geração (haloperidol, flufenazina). A principal indicação para o uso de Clozapina é a esquizofrenia refratária, em relação à qual outros antipsicóticos não são eficazes, embora possa também ser utilizada no transtorno esquizoafetivo, dependência química em esquizofrenia e psicose em Doença de Parkinson. O efeito colateral mais grave da Clozapina é a agranulocitose, doença na qual o organismo deixa de produzir glóbulos brancos e que ocorre em até 1% do pacientes. Por isso é necessário um rigoroso controle hematológico durante o tratamento, com hemogramas semanais nas primeiras 18 semanas, e mensais após este período. Um outro efeito colateral que pode limitar o uso da Clozapina é a possibilidade de provocar diabetes tipo 2, dislipidemias e obesidade. O Sistema Único de Saúde (SUS) fornece a Clozapina gratuitamente para pacientes com diagnóstico de esquizofrenia refratária.

Educação Física

No dia 11 de agosto teve lugar uma palestra proferida pelo Prof. Dr. Miguel Arruda, destinada à equipe de professores de Educação Física do hospital e também a algumas equipes convidadas. Atualmente o Prof. Dr. Miguel Arruda é diretor associado da Faculdade de Educação Física (FEF) da Unicamp. Tem experiência na área de Fisiologia, com ênfase em Fisiologia do Esforço, atuando principalmente nos segmentos que compreendem futebol, atletismo, treinamento desportivo, avaliação física, antropometria e desempenho motor.

Sua palestra abordou o tema “Bases biológicas e metodológicas: do sedentarismo à qualidade de vida” e examinou assuntos relacionados com o sedentarismo, qualidade de vida e treinamento desportivo. Também comentou alguns resultados de sua linha de investigação, que é a da dinâmica do treino desportivo, desde a iniciação até os processos de treinamento, com ênfase especial em treino de jovens.

Segundo a Coordenadora do Setor de Educação Física do Instituto Bairral, Profª Daniele Colosso Craveiro, “foi uma honra poder contar com a presença do Prof. Miguel em nosso hospital, uma vez que sua agenda é muito concorrida. Sua contribuição foi muito importante para a atualização de toda a nossa equipe, como também de todos os outros técnicos que presenciaram a palestra”.

Em breve a equipe de professores de Educação Física do Instituto Bairral voltará a se reunir para iniciar os preparativos da organização de mais uma Olimpíada Interna. Teremos este ano a 39.a edição. São quase 40 anos de tradição proporcionando a integração por intermédio do esporte.

Psicologia

No dia 14 de agosto foi realizada a palestra “Psicoterapia da criança e do adolescente – Uma abordagem analítico-comportamental”, a cargo de Renata Pockel Fernandes, pedagoga especialista em abordagem analítico-comportamental e no método ABA (técnica que trabalha com crianças autistas). Estiveram presentes 13 psicólogas do Instituto Bairral, além de 4 psicólogas da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota e 4 médicos-residentes de Psiquiatria do 3º ano. A palestrante discorreu sobre seu trabalho com crianças de rendimento atípico, sendo que esta é uma provável população a ser atendida no futuro Ambulatório de Psiquiatria Infantil, setor que está sendo implantado pelo Instituto Bairral. Trouxe também exemplos práticos das técnicas aplicadas em crianças autistas e esclareceu quanto à abordagem analítico-comportamental, que pode ser trabalhada com os nossos pacientes internados, em diferentes setores.

Enfermagem

No dia 15 de agosto, 28 enfermeiros participaram de uma palestra proferida pela enfermeira Vera Lúcia Regina Maria, doutora em enfermagem, consultora em Sistematização da Assistência de Enfermagem e docente da Universidade São Camilo. A palestra proferida, intitulada “Sistematização da Assistência de Enfermagem”, teve como foco os elementos de definição do diagnóstico de enfermagem, baseados nas respostas biopsicossociais do paciente. As diversas teorias de enfermagem foram examinadas, assim como as Classificações Internacionais para Prática de Enfermagem.

Serviço Social

No dia 19 de agosto a assistente social Maria Eliza Ranzatti e um grupo de funcionários da agência local da Previdência Social apresentaram a palestra “Benefícios do INSS”, direcionada à equipe do Serviço Social do hospital e da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota. Foram focalizadas questões inerentes ao acesso, direito, ampliação e relação com os benefícios, com ênfase especial no BPC (beneficio de prestação continuada), aposentadoria à pessoa com deficiência e contribuição facultativa para cidadãos de baixa renda.

Terapia Ocupacional

No dia 22 de agosto a equipe de terapeutas ocupacionais participou de uma palestra pronunciada pela terapeuta ocupacional Cintia Schwab Castro, que falou sobre a modulação sensorial em dependência química, destacando a importância de se graduar os estímulos, buscando assim a conscientização, e desse modo permitir que a pessoa possa alcançar e manter performance e se adaptar aos desafios da vida diária. Outro aspecto importante analisado foi o uso da modulação sensorial na intervenção da crise, por se tratar de uma técnica inovadora e mais humanizada.

Dr. Sergio Tamai (Médico Psiquiatra do Instituto Bairral), uns dos palestrantes no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Dr. Sergio Tamai (Médico Psiquiatra do Instituto Bairral), uns dos palestrantes no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Professores de Educação Física do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica

Professores de Educação Física do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica

Psicologas e Medicos Psiquiatras do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Psicologas e Medicos Psiquiatras do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Enfermeiros do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Enfermeiros do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Serviço Social do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Serviço Social do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Terapeutas Ocupacionais do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica.

Terapeutas Ocupacionais do Instituto Bairral presente no IV Ciclo de Atualização Técnica.


Warning: implode(): Invalid arguments passed in /home/bairral/www/blog/wp-content/themes/ZenHealth/footer.php on line 1