Arquivo

Posts Tagged ‘simpósio’

Simpósio: “Um Caminho Chamado Comunidade Terapêutica”

Em 30 de maio p.p. o auditório do hospital foi palco do XXVI Simpósio do Instituto Bairral de Psiquiatria. O tema do encontro foi “Um caminho chamado comunidade terapêutica”. Foram pronunciadas as seguintes palestras:

  • “Compreendendo o conceito de comunidade terapêutica”, pela psicóloga Laura Fracasso, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutoranda em Psiquiatria pela Unifesp e gestora técnica dos programas de tratamento em Comunidade Terapêutica do Instituto Padre Haroldo de 1995 a 2011.
  • “A história da Comunidade Terapêutica no Brasil”, pelo padre Haroldo Joseph Rahm, mestre em Filosofia pela Universidade de Saint Louis e em Teologia pela Universidade Loyola de New Orleans, ambas nos EUA, fundador da Comunidade Terapêutica “Fazenda do Senhor Jesus”, em Campinas (SP) e co-fundador da Federação Mundial de Comunidades Terapêuticas, da Federação Latino-Americana de Comunidades Terapêuticas e da Febract – Federação Brasileira de Comunidades Terapêuticas.
  • “A Comunidade Terapêutica na política pública sobre drogas”, pelo Dr. Vítore André Zílio Maximiano, Procurador de Justiça do Estado de São Paulo e atual Secretário Nacional da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça.
  • “A Comunidade Terapêutica e a transdisciplinaridade”, por Maurício Landre, assistente social, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutorando em Psiquiatria pela Unifesp e coordenador técnico da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota.
  • “A Comunidade Terapêutica e a espiritualidade”, pela Dra. Zila van der Meer Sanchez, docente do Departamento de Medicina Preventiva da Unifesp, doutora em ciências pela Unifesp com pós-doutorado na Michigan State University dos EUA e orientadora do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Unifesp.
  • “A Comunidade Terapêutica e a ciência”, pelo Dr. Marcelo Ribeiro de Araújo, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutor em Ciências pelo Departamento de Psiquiatria da Unifesp, Diretor de Ensino e Coordenador do Curso de Especialização em Dependência Química da Unifesp-Uniad.

Estiveram presentes 609 pessoas de diversas categorias profissionais do ramo médico e áreas correlatas, além de uma significativa parcela de professores e estudantes.

Foi um evento bastante rico e que conseguiu atingir seu objetivo de mostrar como o trabalho realmente sério e engajado de uma Comunidade Terapêutica consegue ótimos resultados no tratamento da dependência química.

Abertura do XXVI Simpósio com Dr. Marcelo Ortiz.

Abertura do XXVI Simpósio com Dr. Marcelo Ortiz.

Participantes do XXVI Simpósio com o tema “Um caminho chamado comunidade terapêutica”

Participantes do XXVI Simpósio com o tema “Um caminho chamado comunidade terapêutica”

Participantes do XXVI Simpósio com o tema “Um caminho chamado comunidade terapêutica”

Participantes do XXVI Simpósio com o tema “Um caminho chamado comunidade terapêutica”

Primeira palestra ministrada pela psicóloga Laura Fracasso, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad.

Primeira palestra ministrada pela psicóloga Laura Fracasso, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad.

Segunda Palestra ministrada pelo padre Haroldo Joseph Rahm, mestre em Filosofia pela Universidade de Saint Louis e em Teologia pela Universidade Loyola de New Orleans, ambas nos EUA, fundador da Comunidade Terapêutica “Fazenda do Senhor Jesus”, em Campinas (SP).

Segunda Palestra ministrada pelo padre Haroldo Joseph Rahm, mestre em Filosofia pela Universidade de Saint Louis e em Teologia pela Universidade Loyola de New Orleans, ambas nos EUA, fundador da Comunidade Terapêutica “Fazenda do Senhor Jesus”, em Campinas (SP).

Terceira palestra ministrada pelo Dr. Vítore André Zílio Maximiano, Procurador de Justiça do Estado de São Paulo e atual Secretário Nacional da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça.

Terceira palestra ministrada pelo Dr. Vítore André Zílio Maximiano, Procurador de Justiça do Estado de São Paulo e atual Secretário Nacional da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) do Ministério da Justiça.

Quarta palestra ministrada por Maurício Landre, assistente social, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutorando em Psiquiatria pela Unifesp e coordenador técnico da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota.

Quarta palestra ministrada por Maurício Landre, assistente social, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutorando em Psiquiatria pela Unifesp e coordenador técnico da Comunidade Terapêutica Rural Santa Carlota.

Quinta palestra ministrada pela Dra. Zila van der Meer Sanchez, docente do Departamento de Medicina Preventiva da Unifesp, doutora em ciências pela Unifesp com pós-doutorado na Michigan State University dos EUA e orientadora do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Unifesp.

Quinta palestra ministrada pela Dra. Zila van der Meer Sanchez, docente do Departamento de Medicina Preventiva da Unifesp, doutora em ciências pela Unifesp com pós-doutorado na Michigan State University dos EUA e orientadora do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Unifesp.

Sexta palestra ministrada pelo Dr. Marcelo Ribeiro de Araújo, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutor em Ciências pelo Departamento de Psiquiatria da Unifesp, Diretor de Ensino e Coordenador do Curso de Especialização em Dependência Química da Unifesp-Uniad.

Sexta palestra ministrada pelo Dr. Marcelo Ribeiro de Araújo, especialista em dependência química pela Unifesp-Uniad, doutor em Ciências pelo Departamento de Psiquiatria da Unifesp, Diretor de Ensino e Coordenador do Curso de Especialização em Dependência Química da Unifesp-Uniad.

Bairral Presente no Simpósio do Proter

Nos dias 20 e 21 de março ocorreu o XIX Simpósio Nacional de Atualização em Psiquiatria Geriátrica, organizado pelo PROTER (Programa da Terceira Idade) do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Nesse evento estiveram presentes os seguintes funcionários do Instituto Bairral de Psiquiatria: Dras. Ana Maria Garcia Mendes Rodrigues e Francelma Freitas (psiquiatras), Marisa Crivelaro Romão (neuropsicóloga) e Renata Mariotoni de Freitas (terapeuta ocupacional). Como atividade do simpósio as quatro profissionais participaram de um curso que lhes permitiu conhecer os rastreios cognitivos e as escalas de funcionalidade traduzidas e adaptadas para a população idosa brasileira mais atualizada. Em relação ao simpósio propriamente, destacou-se a troca de experiência com os profissionais que atuam no ambulatório do PROTER ao ressaltarem a importância do trabalho acerca da sobrecarga do cuidador em psicoterapia de grupo e psicoeducação para a melhoria da qualidade de vida do idoso com demência, com boa adesão.

Diferentes técnicas e produtos informatizados foram apresentados para auxilio em reabilitação cognitiva. Além disso, a neuropsicóloga Marisa e a psiquiatra Dra. Ana Maria puderam mostrar parte do trabalho realizado no setor Estância por meio do pôster intitulado “Diferenças na cognição e funcionamento entre idosos do gênero masculino e feminino com diagnóstico de síndrome alcoólica”, no qual se constataram dados similares aos da literatura científica referentes ao maior prejuízo funcional e em função executiva entre os homens, mas maior comorbidade psiquiátrica no gênero feminino. O evento incluiu ainda mesa-redonda com discussão de tratamentos não farmacológicos, como a estimulação magnética transcraniana e a eletroconvulsioterapia, enfocando a indicação desses recursos no tratamento de pacientes idosos portadores de transtornos mentais.

Marisa Crivelaro Romão (neuropsicóloga) e Renata Mariotoni de Freitas (terapeuta ocupacional), Francelma Freitas (psiquiatras), Dr. José Gallucci Neto (mestre em psiquiatria pela faculdade de medicina da USP) e Dra Ana Maria Garcia Mendes Rodrigues

Marisa Crivelaro Romão (neuropsicóloga) e Renata Mariotoni de Freitas (terapeuta ocupacional), Francelma Freitas (psiquiatras), Dr. José Gallucci Neto (mestre em psiquiatria pela faculdade de medicina da USP) e Dra Ana Maria Garcia Mendes Rodrigues.

Dra Ana Maria Garcia Mendes Rodrigues e Marisa Crivelaro Romão funcionárias do Instituto Bairral, presente no Simpósio.

Dra Ana Maria Garcia Mendes Rodrigues e Marisa Crivelaro Romão funcionárias do Instituto Bairral, presente no Simpósio.

XXV Simpósio: “Psiquiatria da Infância e Adolescência: a Psiquiatria do Futuro”

O Instituto Bairral de Psiquiatria realizou em 22 de novembro seu XXV Simpósio, com o tema “Psiquiatria da Infância e Adolescência: a Psiquiatria do Futuro”. Foram registradas 741 inscrições, um público recorde dentre os simpósios já realizados. Desde o início da jornada o evento já mostrou seu diferencial, com a exibição de desenhos feitos por estudantes de 6 a 17 anos das redes de ensino pública e particular da cidade de Itapira sobre o tema “Alegria e Tristeza”, que ficaram expostos ao longo do dia. Ocorreu ainda a exibição de um vídeo motivacional que conseguiu traduzir a temática do dia, sensibilizando os presentes.

As palestras apresentadas foram: “Epidemiologia e desenvolvimento: a importância da psicopatologia infantil”, ministrada por Luís Augusto Paim Rohde; “O neurodesenvolvimento e seus desvios de trajetória”, por Guilherme Vanoni Polanczyk; “Inibição e sintomas emocionais: o caminho para a ansiedade”, por Mauro Victor de Medeiros Filho; “Agressividade e confronto: o caminho para sintomas disruptivos”, por Taís Moriyama; “Geração Digital e seu desenvolvimento”, por Cristiano Nabuco de Abreu; e “Álcool e drogas: as populações de risco durante a infância”, por Sandra Scivoletto.

A capacidade profissional e o domínio dos temas pelos palestrantes mantiveram a plateia atenta, disposta e engajada até o final das apresentações. Muitas perguntas foram encaminhadas aos palestrantes, o que demonstrou interesse pelas apresentações, além de uma maior preocupação em conhecer um assunto de grande atualidade e que mobiliza principalmente profissionais das áreas da saúde e educação.

Destacamos a linguagem clara, objetiva e de fácil compreensão dos palestrantes, as associações feitas entre os temas abordados e a disponibilidade em esclarecer as dúvidas que surgiram. Além disso, os dados apresentados foram baseados em pesquisas atuais, com realce para a importância de conhecer as psicopatologias da infância para poder intervir com o objetivo de evitar um prognóstico negativo. Foram enfatizados também a influência da mídia e internet nos comportamentos e sintomas que as crianças e jovens vêm apresentando atualmente, o impacto negativo e as consequências do uso de substâncias psicoativas por populações muito jovens, o papel da família, etc. Temas como os fatores de risco e de proteção, além do tratamento indicado para lidar com as psicopatologias da infância e adolescência, também foram amplamente abordados e ajudaram a elucidar a maior angústia de educadores e profissionais da saúde: o que fazer diante da criança que manifesta sintomas de adoecimento mental.

Participante do XXV Simpósio com o tema “Psiquiatria da Infância e Adolescência: a Psiquiatria do Futuro”.

Participante do XXV Simpósio com o tema “Psiquiatria da Infância e Adolescência: a Psiquiatria do Futuro”.

Palestrante Sandra Scivoletto e Drª. Alessandra Elena Diehl B. dos Reis.

Palestrante Sandra Scivoletto e Drª. Alessandra Elena Diehl B. dos Reis.

Dr. Mauro Victor de Medeiros Filho, palestrante Luís Augusto Paim Rohde e Dr. Marcelo Ortiz..

Dr. Mauro Victor de Medeiros Filho, palestrante Luís Augusto Paim Rohde e Dr. Marcelo Ortiz..

Palestrante Guilherme Vanoni Polanczyk e Marisa Martin Crivelaro Romão.

Palestrante Guilherme Vanoni Polanczyk e Marisa Martin Crivelaro Romão.

Nivaldo José Caliman (Diretor Superintendente do Instituto Bairral) e palestrante Dr. Mauro Victor de Medeiros Filho.

Nivaldo José Caliman (Diretor Superintendente do Instituto Bairral) e palestrante Dr. Mauro Victor de Medeiros Filho.

Dr. Milan Patricio Bata Mitrovitch, Dr. Marcelo Ortiz de Oliveira e palestrante Taís Moriyama.

Dr. Milan Patricio Bata Mitrovitch, Dr. Marcelo Ortiz de Oliveira e palestrante Taís Moriyama.

Palestrante Cristiano Nabuco de Abreu e Dr. Milan Patricio Bata Mitrovitch.

Palestrante Cristiano Nabuco de Abreu e Dr. Milan Patricio Bata Mitrovitch.

XXIV Simpósio Instituto Bairral de Psiquiatria – “Prevenção”

No dia 31 de maio foi realizado o XXIV Simpósio do Instituto Bairral, que abordou o tema “Prevenção”. O evento contou com 605 participantes, principalmente da área de saúde, como enfermeiros, médicos, psicólogos, assistentes sociais e terapeutas ocupacionais, e também profissionais da área da educação e estudantes. As palestras tiveram início às 9h00 e os temas focalizados foram: “Conceitos e modelos de prevenção”, proferida pelo Prof. Dr José Manoel Bertolote; “Tratamento como prevenção da cronificação e das complicações do humor”, pelo Prof. Dr. Valentim Gentil Filho; “Prevenção de recaída em usuários de álcool e drogas”, a cargo do Prof. Dr. Paulo Werner Knapp; “Prevenção do uso de álcool e drogas em escolas”, pela Prof.ª Dra. Maria Fátima Olivier Sudbrack; “Desafios e dilemas na prevenção dos transtornos mentais”, pelo Prof. Dr. Jair de Jesus Mari; e “Bullying – Consequências cognitivas e emocionais”, pelo Prof. Dr. Acioly Luiz Teixeira de Lacerda). Foram salientadas as estratégias de prevenção primária, secundária e terciária; esclarecidas as abordagens de prevenção universal, seletiva e indicada; fatores de proteção e fatores de risco para o desencadeamento de transtornos mentais; pesquisas recentes sobre a abordagem cognitivo-comportamental como estratégia; cuidados parentais como os maiores fatores de proteção, dentre outros. Os palestrantes despertaram fortemente o interesse dos presentes pelo tema, cuja importância cresceu nos dias atuais, visto que muitos dos transtornos psiquiátricos e psicológicos poderiam ser evitados ou amenizados se existissem maiores e melhores estratégias de prevenção.

Coordenadores do Instituto Bairral.

Coordenadores do Instituto Bairral.

Dr. Caio Pereira Cortes (médio residente do Instituto Bairral), Prof. Dr José Manoel Bertolote, Prof. Dr. Jair de Jesus Mari, Prof. Dr. Valentim Gentil Filho, Agenor Pares de Lima (diretor de relações externas do Instituto Bairral), Nivaldo José Caliman (diretor superintendente do Instituto Bairral) e Dr. Marcelo Ortiz de Souza (diretor técnico do Instituto Bairral).

Dr. Caio Pereira Cortes (médio residente do Instituto Bairral), Prof. Dr José Manoel Bertolote, Prof. Dr. Jair de Jesus Mari, Prof. Dr. Valentim Gentil Filho, Agenor Pares de Lima (diretor de relações externas do Instituto Bairral), Nivaldo José Caliman (diretor superintendente do Instituto Bairral) e Dr. Marcelo Ortiz de Souza (diretor técnico do Instituto Bairral).

Participante do XXIV Simpósio com o tema "Prevenção".

Participante do XXIV Simpósio com o tema “Prevenção”.

Prof. Dr José Manoel Bertolote palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com o médico residente Dr. Marcel Vella Nunes do Instituto Bairral.

Prof. Dr José Manoel Bertolote palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com o médico residente Dr. Marcel Vella Nunes do Instituto Bairral.

Prof. Dr. Valentim Gentil Filho palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com o médico residente Dr. Arthur Silva Mattos Cardoso do Instituto Bairral.

Prof. Dr. Valentim Gentil Filho palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com o médico residente Dr. Arthur Silva Mattos Cardoso do Instituto Bairral.

Prof. Dr. Paulo Werner Knapp palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com a medica estagiária Dra. Evellyn Martins Bezerra Alcanfor do Instituto Bairral.

Prof. Dr. Paulo Werner Knapp palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com a medica estagiária Dra. Evellyn Martins Bezerra Alcanfor do Instituto Bairral.

Prof.ª Dra. Maria Fátima Olivier Sudbrack palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com o médico residente Dr. Pedro Henrique M. Piloni do Instituto Bairral.

Prof.ª Dra. Maria Fátima Olivier Sudbrack palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com o médico residente Dr. Pedro Henrique M. Piloni do Instituto Bairral.

Prof. Dr. Jair de Jesus Mari palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com o médio residente Dr. Caio Pereira Cortes do Instituto Bairral.

Prof. Dr. Jair de Jesus Mari palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com o médio residente Dr. Caio Pereira Cortes do Instituto Bairral.

Prof. Dr. Acioly Luiz Teixeira de Lacerda palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com médico residente Dr. Edivarley Rodrigues da C. Júnior do Instituto Bairral.

Prof. Dr. Acioly Luiz Teixeira de Lacerda palestrante do XXIV Simpósio, juntamente com médico residente Dr. Edivarley Rodrigues da C. Júnior do Instituto Bairral.

Participação em Simpósio

No dia 5 de abril Marina Caversan Oliveira de Souza e Priscila Jacheta Lauri, psicólogas do Instituto Bairral, participaram do Simpósio “O mal-estar na família: realidades e ficções”, realizado na capital paulista pela Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo (SBPSP), o qual contou com a presença do psicanalista de casal e família Rodolfo Moguillansky. O tema, bastante atual, foi abordado com o objetivo de enfatizar a necessidade do trabalho psicanalítico com casais e famílias, em face de suas mais diversas configurações (famílias homoparentais, com diversos membros, a chegada do primeiro filho, os filhos adolescentes, pais adotivos, etc.). O enfoque se deu no sentido de trabalhar a vincularidade do casal para a construção de famílias funcionais, ensejando verificar o quão importante é o trabalho com famílias para o sucesso dos casos atendidos.

Silvia Moguillansky, Rodolfo Moguillansky, Priscila Jacheta Lauri (Psicologa do Instituto Bairral) e Marina C. Oliveira de Souza (Psicologa do Instituto Bairral).

Silvia Moguillansky, Rodolfo Moguillansky, Priscila Jacheta Lauri (Psicologa do Instituto Bairral) e Marina C. Oliveira de Souza (Psicologa do Instituto Bairral).