Tratamento por Diagnóstico Semelhante

Padrões inovadores de tratamento

Os anos 60 trouxeram bem mais do que idéias de liberdade, movimentos artísticos ou busca por outros tipos de vida, novos comportamentos. Tampouco foram marcados apenas por grande desenvolvimento tecnológico ou pela chegada do homem à Lua. Grandes avanços na medicina também aconteceram nesse período. É do início dos anos 60, por exemplo, a implantação pelo Instituto Bairral de um sistema considerado até hoje como um dos mais importantes na histótia da Psiquiatria - a Seleção e o Tratamento de Pacientes Respeitando o seu Perfil Diagnóstico, TPDS. Claro que essa revolução no tratamento psiquiátrico não teve repercussão de uma canção dos Beatles. Mas foi comemorada com grande alívio pelas famílias com entes em estágio de tratamento e recebida com entusiasmo pelos especialistas. Para se ter uma idéia, esse pioneirismo terapêutico - que estabeleceu um espaço quântico entre o passado e o futuro do tratamento psiquiátrico - é o diferencial dos Instituto Bairral até hoje. E o que, aliado à experiência de mais de 70 anos, o transformou em um centro de vanguarda e excelência em Psiquiatria, respeitado internacionalmente.

Explicando a inovação

Enquanto muitas instituições ainda tratam conjuntamente e em um mesmo ambiente pacientes que apresentam dependência de álcool e drogas, neuroses, transtornos psicóticos, de origem orgânica ou decorrentes de senilidade, esse procedimento é muito diferente no Bairral. Aqui o paciente é acolhido em clínicas com estrutura, equipes e projetos terapêuticos específicos a seu sintomas. Essa seleção permite a formação de grupos homogêneos de convivência entre pacientes que nada têm em comum, assegurando grandes avanços ao tratamento.

Novos conceitos para um mundo em constante transformação

Atento a um mundo em constante transformação, com grandes reflexos na sociedade e no comportamento das pessoas, o Bairral fez uso de sua capacidade inovadora para revitalizar e adaptar suas propostas. Essa preocupação com a realidade contemporânea motivou mudanças administrativas, técnicas e científicas e fez com que sua experiência - acumulada em mais de 70 anos de existência - passasse por um acurado exame, objetivando a maximização e eficiência de suas terapias. Essa sadia análise introspectiva trouxe resultados acima da expectativa, como a modernização de seus projetos terapêuticos agora consolidados em torno de um conceito mais amplo, efetivo, sintonizado com o mundo atual, focado na realidade do paciente, na qualidade de seu atendimento e no acompanhamento interdisciplinar.

Acompanhamento, qualidade, integração e eficiência

Integrando ações essenciais ao tratamento, o Bairral busca sedimentar sua preocupação com qualidade e eficiência. Por exemplo: no Bairral o médico não é uma visita esporádica, mas uma presença constante no hospital, acompanhando o paciente do início ao fim de seu tratamento. Procedimentos como esse estão interligados a um complexo programa de atividades importantes a cada diagnóstico, que vai de terapia ocupacional a educação física, lazer e contato com a natureza, sustentadas por equipes compostas de psicólogos, terapeutas ocupacionais, profissionais de enfermagem, assistentes sociais, professores de educação física, farmacêutico, nutricionista e dentista. Aliás, na área odontológica o Bairral é um padrão de referência. Seu consultório foi projetado e estruturado especialmente para tratar pacientes com quadros psiquiátricos estabelecidos e necessidades especiais, como portadores de deficiência física ou geriátrica. um novo núcleo de terapia intensiva, com ambientes monitorados eletronicamente e projeto arquitetônico especialmente desenvolvido para a segurança e diminuição de riscos dos pacientes, também se faz presente na nova estrutura do Bairral.

Educação Física

Existem inúmeras evidências que indicam os efeitos benéficos do exercício físico/atividade física sobre a saúde em geral. Diversos trabalhos científicos têm avaliado o papel da prática de atividade física em pacientes com transtornos psiquiátricos, sugerindo um efeito positivo do exercício físico tanto no tratamento quanto na melhora da qualidade de vida e bem-estar desses indivíduos. No âmbito da saúde mental, a grande maioria dos indivíduos com transtornos mentais pode ser beneficiada com a prática de exercícios físicos, uma vez que sob o ponto de vista fisiológico, normalmente são indivíduos que apresentam uma debilitada capacidade aeróbica e alta propensão para a síndrome metabólica. O exercício físico também pode ser atrativo psicologicamente a ponto de reduzir os sintomas depressivos comuns em algumas psicopatologias, como os transtornos afetivos de humor e esquizofrenias. Como tratamento não-farmacológico, o exercício físico torna-se um instrumento importantíssimo quando bem direcionado e embasado em parâmetros científicos, atua como um elo terapêutico importante por intervir no corpo do paciente durante todo o processo de recuperação no tratamento. Ele serve para muitos propósitos, mas existem alguns benefícios principais tais como: o alívio e redução do estresse; a liberação de endorfinas; melhora no humor, na qualidade-de-vida e no âmbito social; proporciona autoconhecimento e autoestima; diminui os níveis de estresse, depressão e ansiedade e combate a fadiga e a perda de energia.

A Psicologia

O Setor de Psicologia do Instituto Bairral atualmente conta com 13 psicólogas em seu quadro. O trabalho realizado é amplo e faz parte do objetivo principal que é proporcionar bem estar mental ao paciente atendido. Para tanto, visa-se: o acolhimento ao paciente, trabalhar suas ansiedades e angústias (sejam estas advindas do fato de estar internado e/ou do quadro psicopatológico), manejar comportamentos com o intuito de ajudá-lo a tornar seus comportamentos mais funcionais. O trabalho do psicólogo também passa pelo resgate da identidade e auto estima do paciente, valorizando-o como um ser humano dotado de capacidades e competências, instruí-lo sobre sua condição psicopatológica atual e motivá-lo à mudança, dentro de suas possibilidades, e proporcionar, com isso, qualidade de vida. Como atividades, destaca-se: realização de grupos operativos e terapêuticos, atendimentos individuais, aplicação de escalas e testes, participação em saídas terapêuticas com os pacientes e equipe (reinserção social), atendimentos para familiares (em algumas Unidades específicas), participação ativa dentro da equipe multidisciplinar, atuação como professora/supervisora dos módulos de Psicoterapia do Programa de Residência Médica do Instituto. O Setor ainda recebe ao longo dos meses de janeiro e julho, estudantes de psicologia que buscam conhecer o trabalho do psicólogo dentro da instituição psiquiátrica, em um Programa chamado “Visita de Observação”. Além disso, recebe-se ao longo do ano todo, turmas de alunos acompanhadas de um professor, para fazer visita de 1 dia ao Hospital, conhecendo com isso os Programas Terapêuticos de cada setor e o papel do psicólogo.

Terapia Ocupacional

Participação, realização e alegria

Há pessoas que imaginam a vida de um paciente em uma instituição psiquiátrica como um eterno momento de olhares perdidos, posições estáticas, sempre à espera. Talvez porque elas não conheçam os dinâmicos programas de Terapia Ocupacional desenvolvidos pelo Instituto Bairral. Ou nem tenham visto com que entusiasmo nossos pacientes participam dessa atividade, produzindo, criando, estabelecendo relações com o mundo tangível de suas realizações. São momentos de pura descontração, alegria e integração, que fortalecem a auto-estima e confiança, vitais ao tratamento.

Promovendo a vida, as relações, o potencial das pessoas

Ao quebrar os paradigmas do tratamento de pacientes respeitando seu perfil diagnóstico, o Instituto Bairral fez mais que inovar o tratamento psiquiátrico de 1960 para cá. Ele valorizou o paciente e impulsionou o tratamento para além da eliminação dos sintomas, em direção à promoção da vida, das relações e potencialidades das pessoas. Essa Valorização trouxe como resultado uma participação ativa do paciente em todo o processo terapêutico e consequente progresso ao tratamento, incentivando o Bairral a buscas novos e revolucionários enfoques dentro da Psiquiatria.

A vida saudável cultuada diariamente

O Bairral não é um spa; nem as pessoas vêm aqui para descansar, dar um tempo na vida, passear por nossas alamedas ou se exercitar ao ar livre. Mas são inegáveis os efeitos da atividade física no ntratamento psiquiátrico. O Bairral possui uma das mais completas estruturas poliesportivas e um programa de atividades sempre renovado. Das caminhadas ao vôlei, futebol, tênis, natação, uma equipe de professores de Educação Física contribui diariamente para o bem-estar físico e emocional dos pacientes, por meio de técnicas esportivas e de lazer específicas. No Bairral a vida saudável é cultivada todos os dias.

Bairral: ilha de excelência em Psiquiatria

O Bairral é hoje uma ilha de excelência em Psiquiatria, um hospital inovador, com projetos terapêuticos específicos. Que expressa sua consciência profissional, sua responsabilidade em acolher cuidar e tratar de pessoas, transformando comportamentos, mostrando novos caminhos, compartilhando experiências, promovendo da vida. Uma estrutura voltada para promover o bem-estar psíquico e sua repercussão em todas as esferas da vida de uma pessoa.

Ed. Física

Exercícios ao ar Livre

Ed. Física

Hidroginástica

Terapia Ocupacional

Pintura

Terapia Ocupacional

Horta